CMV: como calcular?

Como sua empresa tem feito a gestão de vendas? Como são calculador os preços das mercadorias a serem vendidas? Neste artigo vamos falar sobre o CMV, sigla de designa Custo de Mercadorias Vendidas, vamos entender por que ela é importante para o seu negócio? CMV: o que é? Trata-se se uma ferramenta de gestão, ou […]

Como sua empresa tem feito a gestão de vendas? Como são calculador os preços das mercadorias a serem vendidas? Neste artigo vamos falar sobre o CMV, sigla de designa Custo de Mercadorias Vendidas, vamos entender por que ela é importante para o seu negócio?

CMV: o que é?

Trata-se se uma ferramenta de gestão, ou melhor, é indicador que considera gastos relativos à produção, armazenamento de um produto até a venda. Em resumo, significa entender quanto foi gasto no processo todo até que finalmente o cliente leve seu produto. Ele é importante para ajudar a definir o preço final, já que avalia todos os gatos presentes no processo. Por meio dele é possível fazer a projeção de lucros. Vejamos como calculá-lo.

Conheça o sistema de gestão empresaria VHSYS!

Como calcular o CMV?

Para encontrar o cmv é preciso somar o estoque inicial, às compras do mês, diminuindo o estoque final. A fórmula fica mais ou menos assim:

CMV: EI + C – EF

EI: Estoque inicial

C: Compras

EF: Estoque final

Exemplo: Sua empresa, que é uma papelaria, possuía inicialmente um estoque de cadernos no valor de R$1000,00. Ao longo do mês ela adquiriu mais R$ 500,00. Ao final do período o estoque era de R$300,00.

Desse modo:

CMV: 1.000 + 500 -300

CMV: 1.200

Chegamos com esse cálculo ao custo das mercadorias vendidas que é de R$1200,00.

Se sua empresa faturou R$3.000,00 isso significa que o lucro foi de R$1.800,00.

Por que o CMV é importante?

Considerandos os resultados desse indicativo é possível perceber como seu dinheiro está sendo investido. Assim, o gestor pode identificar se determinada mercadoria é rentável. E, se por outro lado, há determinado produto que deva ser reconsiderado já que a faixa de lucro é muito pequena.

Essa ferramenta aliada à outras, como um sistema de gestão integrado, por exemplo, ajuda a organizar os investimentos fazendo com que sua empresa cresça, sem muito gasto. Para empreendedores que ainda não tenham muita proximidade com os números, ou que desejem delegar essa função, o ideal é obter a assessoria de um contador.
Esperamos que este artigo tenha lhe ajudado. Alguma dúvida ou sugestão? Comente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assuntos relacionados

Cadastro Newsletter

Fique por dentro dos principais assuntos do mundo do empreendedorismo. Atualize seus conhecimentos, baixando materiais como ebooks, planilhas, vídeos e muito mais.