Conecte-se ao empreendedorismo

O que analisar para escolher um certificado Digital?

Tempo de Leitura: 4 minutos
Você sabe o que é um certificado digital? Não? Trata-se de uma grande inovação que tem facilitado a vida de muitos empreendedores e pessoas físicas para validar diversas operações.

Apesar de o  certificado digital ter sido instituído no Brasil em agosto de 2001, muitas pessoas ainda não sabem o que é e o que é possível fazer através de um.

Ele surgiu a partir da necessidade de identificar as pessoas no meio digital, após ter percebido o grande potencial da internet como meio de comunicação.

Ficou interessado em aprender mais sobre o certificado digital? Continue lendo este artigo! Separamos alguns tópicos para auxiliar seu aprendizado, sendo eles:

O que preciso saber sobre certificado digital?

Basicamente o certificado digital é um documento de identidade no meio digital, utilizado para validar operações comerciais e diversas outras operações que podemos nos deparar no dia a dia.

Este documento pode ser utilizado tanto por pessoas físicas quanto por pessoas jurídicas para para validar algum tipo de operação.

Essa ferramenta surgiu devido à necessidade de ter uma maior regularização e segurança no meio digital. No Brasil, existe um órgão responsável por coordenar o certificado digital, o ICP-Brasil, no qual possui diversas normas para regularizar e gerenciar o funcionamento do instrumento.

A partir de um certificado digital, a pessoa física ou jurídica poderá fazer várias operações de maneira fácil, ágil e segura, que antes era possível fazer apenas de maneira off-line.

E para isso, podemos encontrar vários tipos de certificados digitais no mercado. Sendo que alguns deles podem ser utilizados de maneira mais geral e outros de maneira mais específica, com objetivos únicos.

Vamos conferir no tópico seguinte alguns tipos de certificado digital, para você entender mais sobre o assunto e quem sabe até mesmo aderir a essa incrível funcionalidade que pode deixar seu dia a dia mais simples

Qual certificado digital devo escolher?

Vamos ver agora alguns tipos de certificado digital para que você possa analisar e escolher qual é o ideal para você e satisfazer suas necessidades.

Pessoas físicas

Podemos encontrar o certificado digital e-CPF para pessoas físicas, que basicamente é uma versão digital do famoso CPF. 

Por meio deste documento digital, é possível realizar diversas operações burocráticas de maneira totalmente digital, como, por exemplo: realizar transações bancárias autenticadas, entrar nos serviços da Receita Federal e acessar o sistema da e-CNH do Detran.

Pessoas jurídicas

Para as pessoas jurídicas podem encontrar o e-CNPJ, que funciona basicamente da mesma forma que o e-CPF, mas este é voltado para a identificação das pessoas jurídicas no país.

Através deste documento, podemos garantir a autenticidade e segurança das operações empresariais no meio digital. Uma empresa que possui um e-CNPJ pode fazer procurações, contratos e outros processos que poderiam ser feitos de maneira presencial.

Para este tipo de certificado digital, a Receita Federal pede que somente o responsável direto da empresa responda através do e-CNPJ.

Também podemos encontrar a NF-e como certificado digital para pessoas jurídicas, sendo a Nota Fiscal Eletrônica um documento de grande importância para garantir a autenticidade das notas e a sua validade jurídica.

Um ponto muito positivo sobre este certificado é que ele pode ser atribuído a um funcionário, sem que seja necessário compartilhar o e-CNPJ da companhia, garantindo a segurança e a agilidade das operações.

Este certificado é utilizado para assinar as notas fiscais eletrônicas e evitar que os documentos sejam fraudados.

Pequenas empresas

Além do e-CNPJ, podemos encontrar certificados específicos para pequenas empresas, como, por exemplo: o e-CNPJ MEI/EPP ou o e-Simples. É importante dizer que basicamente estes documentos têm as mesmas funcionalidades do e-CNPJ, porém são voltados para empresas de pequeno porte.

Quais são os 3 elementos básicos de um certificado digital?

Autenticidade

O certificado digital garante a autenticidade do documento. Ou seja, significa que este documento não passou por nenhum processo de modificação indevida depois que foi emitido. Comprovando 100% a sua originalidade.

Neste caso, a autenticidade é necessária por razões de segurança para garantir que a informação não seja transmitida a pessoas ou entidades que não devem ter acesso a esses dados. Por outro lado, também ajuda a reduzir a aplicação de fraudes e golpes contra terceiros.

Privacidade

Este elemento é responsável por garantir que apenas as pessoas autorizadas conseguirão ler as informações e dados que estão contidos no documento.

Inviolabilidade

A inviolabilidade neste caso significa que o documento não poderá ser violado, garantindo muito mais segurança para as pessoas que o utilizam.

Qual a diferença entre o certificado A1 e A3?

Para entendermos melhor sobre a diferença entre o certificado A1 e o A3, vamos conferir o que é cada um.

Certificado Digital A1

O certificado digital A1 é um modelo que é armazenado no computador e funciona a partir de um par de chaves criptografadas, sendo uma pública e a outra privada.

A chave pública é enviada para a autoridade certificadora e a privada que é protegida por um login fica no próprio computador.

O A1 consegue ser bastante seguro e evita diversas operações fraudulentas, pois só é possível executar a operação a partir da decodificação das duas chaves.

Além disso, também é possível desativar o certificado digital em caso de ameaças no meio virtual ou invasões. O certificado A1 tem a validade de 1 ano.

Certificado Digital A3

A grande diferença do A3 em relação ao A1 é a forma de armazenar o certificado, sendo no A3 o certificado é armazenado em um cartão ou token.

Desta maneira, é possível usar o certificado em diversos computadores e em várias atividades tributárias que necessitam da assinatura da empresa, por exemplo.

Sua grande vantagem é a mobilidade, pois a empresa pode comprar a sua identidade e utilizá-la em vários locais. Em geral, este tipo de certificado possui uma validade de 5 anos.

Como avaliar a certificadora que vai emitir

É possível encontrar diversas certificadoras no mercado. Porém, devemos estar atentos em alguns pontos para avaliar se a certificadora é confiável e eficiente.

Suporte

Uma certificadora que tenha um bom suporte irá ter um atendimento especializado e humanizado com seus clientes, realizará uma pré-validação dos documentos e claro que irá oferecer o suporte após a compra.

Praticidade

A praticidade está ligada a oferecer um serviço simples para o consumidor, sendo que qualquer pessoa consiga solicitar o seu certificado digital.

Agilidade na emissão

Uma certificadora ágil terá agilidade e comodidade ao longo de todo o processo, além disso a emissão online deverá ficar pronta na hora.

Vale lembrar que após ter seu certificado digital, se você for empreendedor e for emitir notas, por exemplo, vai precisar de um sistema de gestão, que tal conhecer o nosso? Nosso sistema conta com controle de estoque, financeiro, emissão de nota fiscal e PDV. Basta clicar no banner abaixo, até a próxima 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Teste Grátis Hoje!

Clicando em ”Iniciar o teste” você concorda com nossos termos de uso