7 Dicas para melhorar a logística nas entregas da sua empresa

7 Dicas para melhorar a logística das entregas da sua empresa

Rosana Moraes

7 Dicas para melhorar a logística nas entregas da sua empresa

Quem depende de entregas para comercializar seus produtos sabe como é importante ter uma logística eficiente para que nada dê errado nos processos e o cliente não acabe saindo insatisfeito do negócio.

A logística é uma operação que envolve diversos esforços para que seu funcionamento seja preciso. Qualquer falha na entrega – produtos errados, em más condições, atrasos – pode comprometer a imagem da empresa ao consumidor, que terá uma experiência negativa e provavelmente evitará comprar mais algum produto de sua marca. Isso pode ser ainda pior considerando a possibilidade da situação escalar e gerar uma crise, com o cliente utilizando as redes sociais e outros canais para reclamar do caso e, assim, influenciar a opinião de outros compradores.

Essa situação afeta companhias de diferentes segmentos e portes. Porém, quanto mais uma empresa cresce, maior é a necessidade de ter um controle sobre os estoques e as entregas, pois a demanda também aumenta. Confira abaixo 7 dicas para melhorar os processos de logística do seu negócio e diminuir a margem de erro nessa operação:

1- Planejamento

Tudo começa com o bom e velho planejamento: é preciso se atentar a todos os processos logísticos, desde a venda até a entrega final. Tenha um cuidado constante a respeito do estoque: sempre confira se há a quantidade certa de produtos em relação aos que estão sendo vendidos, evitando assim que o consumidor finalize a compra de algo que está indisponível.

Faça uma previsão da demanda para ajudar no controle dessa área, estimando a saída e entrada de mercadorias. Se há um estoque físico, estabeleça um sistema de organização para otimizar esse setor, deixando os produtos mais vendidos em um local de fácil acesso.

2- Integração das áreas da companhia

É importante que os setores da empresa tenham uma boa comunicação para que todos os processos funcionem eficientemente. O marketing precisa saber as informações do produto e do serviço de entrega para informar corretamente o cliente; as vendas precisam ser comunicadas à equipe de estoque e logística; o financeiro deve ter conhecimento sobre os custos e recebimentos, e assim por diante. Isso só se realiza se houver uma verdadeira integração entre as áreas, diminuindo a possibilidade de erros nas operações.

3- Mais opções de serviços de entrega e transportadoras

Avalie outros modelos de entregas para encontrar a que melhor se adapta às necessidades do seu negócio, seja em questão de prazos, preços, disponibilidade de relatórios de performance ou até por conta da especificidade do seu ramo (exemplo, venda de produtos frágeis). Existem métodos diferenciados que podem ser mais atrativos aos seus clientes e mais coerentes com a realidade da sua loja.

Outra dica importante é ter contato com diversas transportadoras para que, no caso de imprevistos, suas entregas não sejam comprometidas – o que pode manchar a reputação da sua empresa aos olhos do consumidor.

Cuidado na hora de interpretar as diferentes tabelas de valores e prazos das transportadoras para não pagar um preço maior do que previsto e repassar uma informação equivocada ao cliente, pois geralmente essas empresas possuem métodos diferentes de cobrança. Também considere o frete como influenciador da motivação ou desistência do processo compra.

4 – Rastreamento

É imprescindível pensar na experiência do cliente com a entrega, pois um bom serviço é um fator  de peso para sua fidelização. Nesse caso, um sistema de rastreamento pode contribuir para que o consumidor confie mais na empresa, podendo acompanhar o processo de entrega de seu pedido. Esse recurso passa uma imagem de credibilidade e transparência ao comprador, também entrando em um dos itens a considerar na escolha de uma transportadora.

Conheça o sistema de gestão empresaria VHSYS!

5- Logística reversa

Este item é de bastante importância, apesar de muitas vezes ser ignorado. Se o consumidor, por algum motivo, quiser trocar o produto, é necessário pensar no processo de devolução dessa mercadoria e de reembolso.

Antes mesmo de realizar a compra o cliente deve ter pleno conhecimento sobre as políticas da empresa nesses casos. Mesmo nessas situações adversas, é possível transformar um fato negativo em uma boa experiência na sua loja – se essas operações forem feitas com eficiência e dando comodidade ao comprador.

Também deve-se considerar nessa hipótese a entrega não concretizada, como o cliente não ter sido encontrado no local de recebimento cadastrado.

6- Métricas

Como em tantas áreas de um negócio, os dados são necessários para medir a performance das operações e ajudar a melhorá-las. Todas as informações colhidas – localidade com mais clientes, perfil dos consumidores, produtos mais vendidos, número de devoluções – podem auxiliar a identificar falhas em diferentes processos e a aproveitar as oportunidade que poderiam ter passado despercebidas. Escolha as métricas mais adequadas a sua empresa e use-as na tomada de decisões.

7- Tecnologia

O uso de sistemas automatizados pode ajudar – e muito – na administração dos estoques. Esses softwares têm o objetivo de facilitar e otimizar os processos, evitando a utilização de várias planilhas manuais e economizando tempo e recursos. Dependendo da solução escolhida, é possível fazer o gerenciamento de todas as áreas da empresa usando a mesma plataforma.

Otimize suas operações de estoque

O sistema de gestão online VHSYS tem um módulo específico para a área de estoque, disponibilizando funcionalidades como cadastro de fornecedores e de transportadoras, além do giro de estoque. Com esses recursos, é possível controlar a entrada e saída de mercadorias com maior eficiência, prevenindo-se de perdas e encalhamento de produtos.

Para quem já usa o VHSYS há uma novidade: o aplicativo de Expedição. Essa ferramenta permite um gerenciamento mais rápido dos pedidos e notas fiscais enviadas às transportadoras, oferecendo diversas opções no cadastro de mercadorias, impressão de etiquetas e geração de romaneio de carga. Use-o para diminuir a margem de erro nas entregas, como falta de produtos ou envios equivocados.

Tenha um maior controle do estoque e otimize as entregas de produtos da sua empresa com o sistema VHSYS. Faça um teste gratuito e descubra como ele pode facilitar o dia a dia do seu negócio.

Receba conteúdos exclusivos em seu email e fique por dentro das últimas novidades no ambiente empresarial!

Rosana Moraes
Sobre o autor
Rosana Moraes
Assistente de Marketing de Conteúdo na VHSYS. Formada em Jornalismo pela PUCPR, com especialização em Mídias Digitais pela Universidade Positivo.

deixe seu comentário

adicionar comentário
Cancelar

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário neste post. Seja o primeiro!

Visualizar mais