Planejamento estratégico para crescer em 2017

Fernando

Planejamento estratégico para crescer em 2017

Estamos quase no fim de 2016 e, após um ano economicamente complicado e inseguro, nos vem uma única pergunta: como será no próximo ano?

Para você não passar por apertos e poder manter seu negócio estável em 2017, preparamos um artigo completo para ajudar no seu planejamento anual. Acompanhe!

Analise o ano que passou

Para começar o seu planejamento estratégico, é importante analisar o ano que passou. Avalie o desempenho da sua empresa através das suas metas alcançadas e os resultados delas, quais metas não foram concretizadas e as prejudicou. Avalie, também, como sua equipe se comportou ao longo do ano, bem como, a relação da sua empresa com os clientes.

Conheça o sistema de gestão empresaria VHSYS!

Aprenda com os seus erros e com a concorrência

Uma coisa é certa: toda empresa tem seus pontos fracos e fortes, portanto, cabe ao gestor saber analisar, compreender e planejar esses pontos. Identifique o que os faz crescer e o que os prejudicável perante a concorrência, que, por sua vez, serve de instrumento para a construção da sua estratégia.

Observar a movimentação do mercado e como sua concorrência se comporta contribui para o seu aprendizado, permitindo olhar o que pode ser eficaz para gerar bons resultados na sua empresa e como você pode se destacar.

Gestão financeira

A gestão financeira é um dos – se não, um dos principais –  pilares para o sucesso da sua empresa. Ter o registro de todas as movimentações financeiras e saber interpretar esses dados é crucial para um bom planejamento. Além disso, é vital projetar o comportamento do mercado para o próximo ano, avaliando indicadores econômicos (inflação, câmbio, juros, etc) que sejam pertinentes às atividades da sua empresa.

Esteja preparado para os piores cenários possíveis, controlando os seus gastos e mantendo o capital de giro da sua empresa no positivo.

Metas e orçamento

Planejamento estratégico para crescer em 2017Sem um não há outro. Na hora de definir as suas metas, pense no que é viável para a sua empresa e se você tem condições para tais investimentos. Não proponha nada que você não tenha certeza de que a resolução seja cumprida até o final de 2017.

Se as metas definidas são realistas e viáveis, é hora de partir para o segundo passo: construir o orçamento. Para isso, acompanhe o fluxo de caixa, principal indicador financeiro da saúde econômica da sua empresa, analise a fluidez do capital de giro do seu negócio e trace um paralelo entre a economia interna do seu negócio com as suas metas. Se a perspectiva é boa, suas metas se concretizarão e você terá crescimento econômico. Caso a perspectiva não seja boa, refaça seu planejamento para você encerrar o próximo ano no vermelho.

Planeje-se!

Um planejamento bem estruturado faz a diferença para o crescimento da sua empresa. No entanto, esse planejamento requer muita atenção, paciência e estudo. Caso você não tenha conhecimento em economia, procure ajuda do seu profissional ou uma pessoa apta a lhe auxiliar no planejamento da sua empresa.

Está otimista para 2017? Compartilhe sua opinião conosco!

Fique por dentro das ultimas novidades no ambiente empresarial

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Fernando
Sobre o autor
Fernando
Formado em Marketing e Coordenador de Marketing de Conteúdo na VHSYS.