Conecte-se ao empreendedorismo

Marca própria ou revenda: qual é o melhor caminho para a venda de software? 

Tempo de Leitura: 5 minutos
Marca própria ou revenda qual é o melhor caminho para a venda de software
ERP completo +  Conta PJ Integrada + Maquininha Stone com mensalidade zero

Supere seus concorrentes com a Gestão Integrada

Organize suas finanças e aumente suas vendas, tudo em um só lugar!

Ao entrar no mercado de software, uma das decisões mais importantes que você precisará tomar é escolher entre desenvolver sua própria marca ou revender produtos de outras empresas. Cada abordagem tem suas vantagens e desafios, e a escolha certa pode depender de vários fatores. Neste artigo vamos abordar os principais pontos quando o assunto é a venda de software, e trazer algumas dicas importantes que fizeram toda a diferença na nossa trajetória de mais de 12 anos. Vamos lá?

Como funciona a venda de software?

A venda de software envolve a oferta de soluções tecnológicas variadas. Existem muitos tipos de software hoje em dia. Por exemplo, alguns são usados para controlar o horário dos funcionários (controle de ponto), outros para gerenciar o estoque, e há também sistemas que ajudam a gerenciar vários setores de um negócio ao mesmo tempo. Não importa qual seja a finalidade, todos esses programas têm o objetivo de facilitar o trabalho e tornar as operações mais eficientes.

Para se tornar um vendedor de software, você tem duas opções: estruturar e desenvolver o seu próprio sistema, ou trabalhar com parceiros que forneçam a tecnologia necessária. Vamos conversar um pouco mais sobre as opções disponíveis ao decorrer do artigo.

Como se destacar vendendo software?

Confira 5 dicas para se destacar na venda de software: 

  1. Conheça o produto: Entenda todas as funcionalidades e benefícios que o software oferece para poder explicar claramente aos clientes como ele pode solucionar seus problemas. Caso você trabalhe com um parceiro fornecedor, é importante conferir se eles oferecem todo o treinamento necessário. 
  1. Entenda as necessidades do seu cliente: Escute atentamente o que seus clientes precisam e mostre como a solução que você oferece poderá atendê-los.
  1. Ofereça demonstrações práticas: Realize apresentações e demonstrações do software para que os clientes possam ver o produto em ação e entender seu valor real.
  1. Mantenha um suporte de qualidade: Garanta que os clientes saibam que podem contar com um suporte eficiente e acessível para resolver qualquer problema ou dúvida.
  1. Invista em marketing digital: Utilize estratégias de marketing digital para alcançar um público maior. Crie conteúdos relevantes, utilize redes sociais, e todos os recursos que estiverem ao seu alcance. 

Quais são os principais desafios para o vendedor de software?

Como toda jornada de sucesso, a venda de software também tem seus desafios, e, para ajudá-lo vamos citar os principais deles e nossas dicas para reverter a situação. 

  1. Concorrência: O mercado está cada dia mais competitivo,então, para que você consiga se destacar como a melhor solução para seu cliente, mostre os diferenciais únicos do seu software. Isso pode incluir funcionalidades, suporte ao cliente ou cases de sucesso. Use depoimentos de clientes satisfeitos para reforçar a credibilidade e o valor do seu produto.
  1. Ciclo de vendas longo: A venda de software envolve muitas etapas, desde a negociação, implementação, treinamento e aí por diante. Manter uma comunicação clara e constante com seus clientes é essencial nesse processo. Estabeleça prazos, forneça materiais úteis para ajudá-lo no processo, e esteja presente caso haja qualquer dúvida. 
  1. Conhecimento técnico: Como em qualquer processo de venda, você deverá conhecer muito bem o produto que está oferecendo. Opte por parceiros que forneçam treinamento, e invista tempo em aprender todas as funcionalidades do sistema. 
  1. Demonstrar o Retorno Sobre o Investimento (ROI): Para o cliente, nem sempre é fácil ver o retorno do investimento em um sistema. Por isso, durante a negociação, mostre cálculos claros e comparações que demonstrem quanto ele pode economizar em mão de obra ou na redução de perdas, por exemplo.
  1. Preço: Essa é uma objeção comum em qualquer negociação, por isso não poderia ficar de fora. Mas, o segredo é que, se você oferece para o seu cliente uma solução completa, e mostra o valor que isso poderá trazer para sua operação, essa objeção pode ser facilmente contornada. 

Revenda ou marca própria? Qual é a opção mais vantajosa? 

Uma pergunta que muitos empreendedores se fazem é: revenda ou marca própria? Qual dessas opções é a melhor para o seu negócio?

Revenda

A revenda de software é uma excelente escolha para quem está começando. É uma maneira rápida de entrar no mercado, aproveitando a credibilidade de uma marca já estabelecida. Isso pode facilitar a aceitação dos consumidores. Porém, será que essa é a melhor opção para a expansão do seu negócio?

A revenda é uma opção confortável, mas tem suas desvantagens. Um dos principais pontos negativos é que você não fortalece sua própria marca, já que seus serviços estão vinculados a outra empresa.

Marca própria

Com uma marca própria, você cria um vínculo mais forte com seus clientes, constroi uma identidade única no mercado e tem controle total sobre seu posicionamento e estratégias de marketing. 

Parece o cenário ideal, certo? Mas, para isso você precisará desenvolver seu próprio sistema, e, isso apresenta desafios significativos, como custos de pesquisa e desenvolvimento, necessidade de uma equipe de especialistas qualificados, manutenções e atualizações contínuas.

CaracterísticaRevendaMarca Própria
Menor investimento inicial✔️
Menor tempo de entrada no mercado✔️
Maior necessidade de conhecimento técnico✔️
Maior controle sobre o produto✔️
Maior lucro✔️
Força de marca✔️
Mais chances de fidelização do cliente✔️
Melhor posicionamento no mercado✔️
Menores custos com marketing✔️
Menos margem de riscos✔️

A Boa Notícia: Existe o White Label!

Entre essas duas opções existe o White Label! E, vamos te explicar logo abaixo porque ele é a melhor solução para o seu negócio. 

White Label

White Label, ou “Etiqueta Branca” em tradução literal, é um modelo de negócio no qual um produto pode ser revendido sob sua própria marca, sem a divulgação dos direitos autorais do fabricante. Em outras palavras, você pode revender um sistema de gestão completo, testado e aprovado, com a sua marca!

Principais vantagens do White Label para a revenda de software

Gostou da ideia do White Label? Então, confira uma lista com a principais vantagens desse modelo de negócio

✔ ️ Economize tempo com o desenvolvimento: Pular a etapa de pesquisa e desenvolvimento permite que você vá direto para as vendas. 

✔ ️ Diminua os custos: Evite os altos custos de desenvolvimento de um produto, que envolvem equipes especializadas e ferramentas.

✔ ️ Foque apenas nas suas vendas: Com um produto pronto e validado você poderá se preocupar somente com as suas vendas. 

✔ ️ Não se preocupe com manutenções e atualizações: O fornecedor se encarrega das manutenções e atualizações contínuas.

✔ Trabalhe com um produto testado e aprovado: Ofereça um produto com aderência garantida no mercado.

✔ Fortaleça sua marca: Promova sua marca com uma solução completa para o cliente.

Como se tornar um parceiro White Label vhsys?

Agora que você já conhece todas as vantagens do modelo de negócio White Label, saiba como dar os primeiros passos para se tornar um parceiro White Label da vhsys.

Ofereça um sistema ERP completo, com mais de 12 anos de mercado, testado e aprovado por milhares de empreendedores.

  1. Contato

Escolha um de nossos canais para entrar em contato e agendar uma reunião com nossos especialistas.

  1. Aquisição

Escolha o plano que melhor se encaixa no seu negócio e realize a contratação.

  1. Acesso aos Benefícios

Após a contratação, você terá acesso a todos os benefícios de ser um parceiro White Label.

  1. Treinamento

A vhsys estará ao seu lado nessa jornada! Para garantir o sucesso dos nossos parceiros, fornecemos materiais completos e treinamentos que irão ajudar a alavancar suas vendas.

Marca própria ou revenda: qual é o melhor caminho para a venda de software? 
Karin Prestes

Graduada em Marketing, com especialização em Marketing Digital, sou uma redatora entusiasta da comunicação, tecnologia e inovação. Busco integrar técnica e paixão para oferecer aos micro e pequenos empreendedores conteúdos esclarecedores, capazes de desmistificar temas complexos e ajudar efetivamente no seu dia a dia.

experimente já

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de gestão online

Preencha os dados para iniciar
seu teste grátis de 7 dias no ERP vhsys.

Sistema de gestão online

Experimente grátis por 7 dias!