Conecte-se ao conhecimento

Como gerenciar as redes sociais da minha empresa?

O mundo do Marketing Digital é composto por diversas frentes que ajudam a empresa a aumentar a visibilidade, engajar o público e promover conteúdos, tudo com o objetivo de fechar vendas. 

As redes sociais, por exemplo, são ótimas formas de trabalhar essas ações e acreditamos que você já esteja familiarizado com algumas delas, como Facebook, Linkedin ou Instagram. Mas você sabe como montar uma boa estratégia de mídias sociais para a sua empresa?

Se ainda não tem a mínima ideia, vamos te esclarecer várias questões sobre isso ao longo deste post.

Veja o que vai encontrar por aqui:

O que é gerenciamento de mídia social?

Gerenciar mídias sociais é muito mais do que fazer postagens para atualizar a conta corporativa. Um bom gerenciamento envolve cronograma, engajamento com o público, procura de novas oportunidades para aumento de visibilidade, análise de resultados e muito mais. 

Fica claro que o gerenciamento de redes sociais da empresa acontece depende de várias etapas e, automaticamente, isso requer tempo e dedicação. O mais recomendado é que a empresa tenha um profissional ou uma equipe responsável pelas mídias sociais.

Quando a empresa tem alguém responsável olhando para as estratégias de mídias sociais, você consegue garantir que o seu público do ambiente digital está recebendo a devida atenção.

Com isso, você não corre o risco de ficar atrás da concorrência, perdendo clientes por não estar ativo no ambiente digital em que seu público está.

A importância do gerenciamento das mídias sociais para a marca

Uma das principais razões que faz a gestão de redes sociais ser importante é a presença ativa das pessoas nesses ambientes. Ou seja, o público está interagindo nas redes a todo momento com marcas que interessam a eles, e uma delas pode ser a sua.

Outro motivo é o custo desse gerenciamento. As pequenas empresas costumam fazer mais com muito menos, pensando no orçamento de marketing. Isso porque as redes apresentam resultados muito significativos, tratando de conversão e geração de leads, sem precisar de altos custos.

Já imaginou o quanto você gastaria para divulgar algum produto em outdoors ou em anúncios na TV? Além disso, teria dificuldade em atingir um público considerado ideal para o seu negócio.

As redes sociais são canais poderosos para as empresas e quando bem administradas podem ajudar a levar a marca à outro patamar, alcançando novos públicos e ganhando mais espaço no mercado. 

Principais redes sociais

Antes de decidir criar uma conta corporativa nas redes sociais, você precisa saber quais são as mídias que mais fazem sentido para o seu negócio. Para isso, considere o perfil do seu público.

Ou seja, saber os conteúdos que eles mais consomem, faixa-etária, quais os interesses deles, entre outros. Só a partir disso você vai descobrir quais as redes sociais preferidas deles e, assim, poderá marcar presença nesses ambientes.

Listamos as principais redes sociais para você conhecer as características de cada uma, como tipos conteúdos a serem postados, perfil do público, finalidade da rede e muito mais. 

Facebook

Considerada a maior rede social do mundo, com um pouco mais de 2 bilhões de usuários ativos, o Facebook permite aos usuários postar, curtir e compartilhar conteúdos de todos os formatos (fotos, vídeos, artigo etc.).

De acordo com um levantamento feito pela Hootsuite em 2019, a maioria dos usuários da rede têm entre 25 e 34 anos de idade. Ou seja, se essa também é a faixa etária de seu público alvo, o ideal é que sua marca esteja por lá.

Instagram

O Instagram é a principal rede de compartilhamento de fotos e vídeos curtos. Os usuários da rede podem postar conteúdo em seu feed de notícias geral ou fornecer atualizações de foto ou vídeo ao vivo por meio do recurso “História”.

O grupo mais expressivo dessa rede tem entre 25 e 34 anos, representando 33% de seu total, seguido dos usuários com idade entre 18 e 24 anos, sendo esses 32% do total da rede.

Muitas empresas têm criado a chamada “vitrine virtual” para potencializar as vendas no instagram. Uma ótima estratégia para quem quer alcançar novos públicos.

Twitter

O Twitter permite que os usuários compartilhem mensagens curtas com outros usuários. A rede limita os textos em até 280 caracteres, conhecidos como “tweets”. Os usuários ainda podem marcar as mensagens como favorito e retuitar conteúdos públicos para seus seguidores. 

O grupo que mais acessa o Twitter também está na faixa etária dos 25 a 34 anos de idade.

Linkedin

Diferente das demais redes que promovem o relacionamento entre amigos, família e afins, o Linkedin é o espaço para que os usuários ampliem sua rede profissional. Nela, os usuários podem compartilhar artigos, procurar atualizações de vagas e muito mais.

No Linkedin, a idade dos usuários ativos está entre entre 25 e 34 anos, representando 38% dos usuários da rede. 

Pinterest

O Pinterest permite que os usuários encontrem novos conteúdos (fotos, artigos, links) com base em seus interesses. Eles podem navegar por tópico e categorizar suas descobertas em painéis.

Um insight legal sobre a rede é que o público é majoritariamente feminino em todo o mundo.

Branding e Redes Sociais: como aumentar a visibilidade da marca

Uma das maiores oportunidades que a mídia social oferece para a empresa é a construção do reconhecimento da marca e o relacionamento consumidor-marca. 

Com a variedade de redes sociais presentes na internet, isso pode acabar sendo um desafio para o empreendedor, pois é preciso muita consistência de identidade para que os esforços não sejam em vão.

Para que branding de mídia social seja eficaz, é preciso manter de maneira adequada o gerenciamento de imagem da empresa e da identidade da marca. E para isso, é preciso dar atenção a alguns pontos. Veja abaixo quais são eles:

Identidade de marca consistente

A identidade visual da marca é um conjunto de elementos visuais, como paleta de cores, tipografia, tratamento de fotos etc, que traduz a marca em um estilo único, facilitando o reconhecimento nas redes em meio tantas outras empresas.

Hoje, praticamente todas as redes contam com conteúdo visual, diferente de alguns anos atrás quando o foco de cada uma das redes era distinto. Quem busca unidade e reconhecimento de marca, a consistência no uso da identidade visual é o caminho.

Entenda o público de cada canal

Como você já viu, cada rede social tem sua característica própria e isso acaba atraindo também uma variedade de público. Considerar esses diferentes públicos ajuda a entender qual é o melhor tipo de conteúdo para eles. 

O conteúdo deve ser pensado visando a melhor experiência do usuário. Ou seja, por exemplo, se você pretende postar no Instagram, perceba que as pessoas interagem mais com imagens e vídeos curtos por lá, então prefira o compartilhamento desses formatos para conseguir gerar engajamento.

Analise bem antes de reutilizar um conteúdo

Quando falamos em consistência de identidade, conteúdo e afins, isso não quer dizer que você precisa compartilhar a mesma produção em todas as redes. Quando isso é feito, os canais não estão impulsionando um ao outro, mas sim competindo entre eles.

Isso quer dizer que nunca posso reutilizar um conteúdo visual? Não. Você pode e deve reutilizar os conteúdos, mas sempre de uma forma estratégica pensando em cada canal.

7 ações para uma boa estratégia de mídias sociais

A estratégia das mídias sociais tem um papel importante no alcance dos objetivos de marketing da sua empresa, além de ser indispensável para saber como cuidar das redes.

Comece sua estratégia considerando o que você sabe sobre o seu público. Se for preciso, faça algumas pesquisas, envie formulários breves para saber os interesses deles, tipos de conteúdo que preferem e outras questões.

Todas as informações que você tiver sobre o seu público te ajudarão não só a construir uma estratégia alinhada, como vai garantir que sua marca chegue até eles.

Veja agora 7 ações que vão te ajudar nessa construção.

1 – Elaboração de um cronograma

Uma boa estratégia precisa de consistência. É preciso definir a abordagem que será usada na criação dos conteúdos, para que o público identifique a sua marca facilmente entre seus concorrentes.

Além disso, a frequência e o horário das postagens também é importante para manter a consistência na comunicação. Fazer 1 postagem por mês não é o suficiente para marcar sua presença no digital.

Elabore um calendário editorial para gerenciar o que será postado nas redes sociais. Você pode personalizá-lo da forma que melhor se encaixar para o seu negócio. Inclua informações básicas como data, conteúdo e alguma imagem.

2 – Criação e publicação de conteúdos

A criação de conteúdo para as mídias sociais requer boa parte do tempo, pois envolve pesquisa e desenvolvimento de conteúdo não só textual, mas também de imagens e até vídeos.

Para que os conteúdos gerem engajamento nas redes, eles precisam estar de acordo com as preferências e interesses do público em questão, elaborados também dentro do formato mais consumido, no caso, conteúdos relevantes para seu público.

3 – Postagens agendadas com antecedência

Nem sempre você estará disponível para sentar e postar manualmente nas redes sociais, principalmente se estiver fora do escritório.

Por isso, considere agendar as postagens com antecedência. Isso pode ajudar você a economizar tempo a longo prazo e garantir que suas postagens sejam publicadas de acordo com o cronograma.

4 – Relacionamento com as pessoas

A rede social é um ótimo ambiente para você estreitar a relação com seus possíveis clientes. Por ser um contato mais simples e direto, muitas pessoas preferem tirar dúvidas nas redes sociais da empresa do que ligar ou enviar e-mail.

Por isso, verifique regularmente se há comentários e mensagens das pessoas em sua plataforma. A rede social permite uma comunicação mais informal, então utilize isso para oferecer atendimentos personalizados, sem usar frases prontas ou linguagem muito rebuscada.

5 – Promova o engajamento do público por meio de assuntos diversos

Existem muitas formas de fazer com que o público interaja nas redes sociais do seu negócio. E você não precisa sempre abordar assuntos que envolvam sua empresa. 

Crie perguntas casuais para conhecer melhor seu público, como preferências de passeio aos finais de semana, programas de tv, atividade física, entre outros.

Você também pode promover o compartilhamento dos seus conteúdos por meio de concursos ou sorteios nas redes. 

6 – Investimento em campanhas e anúncios

Que tal melhorar ainda mais a visibilidade da sua marca nas redes sociais? Investir em anúncios nas redes é uma ótima forma de conseguir atingir uma determinada audiência.

Assim, você consegue atingir pessoas que podem nunca ter ouvido falar na sua empresa, mas são incentivadas a acessar suas redes por terem interesses em comum com o que você oferece.

7 – Acompanhamento de resultados

Assim como qualquer estratégia de marketing digital, você vai querer saber se seus esforços estão valendo a pena. Acompanhar o desempenho da estratégia é a maneira mais eficaz de saber se os recursos estão sendo aplicados da melhor forma.

Vale lembrar que acompanhar o desempenho da sua estratégia de mídia social também é importante para identificar os pontos de melhoria, como saber se o valor investido precisa ser otimizado para trazer resultados ainda melhores.


Agora que você já sabe da importância e como a gestão de redes sociais pode ajudar a sua empresa, que tal criar uma estratégia? 😀

Caso você tenha alguma dúvida, escreva na caixa de comentário abaixo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assuntos relacionados

Cadastro Newsletter

Fique por dentro dos principais assuntos do mundo do empreendedorismo. Atualize seus conhecimentos, baixando materiais como ebooks, planilhas, vídeos e muito mais.