Conecte-se ao empreendedorismo

Dicas para ser mais criativo no seu negócio

Tempo de Leitura: 4 minutos
Empreender nem sempre é uma tarefa simples! O sucesso dos negócios vão além de colocar em prática a sua visão de mercado e ideias, e um grande aliado a tudo isso é utilizar a criatividade para alcançar um diferencial.

O mundo dos negócios é uma verdadeira arte, e conhecer as ferramentas que podem deixar o seu negócio mais atrativo é uma grande maneira de enxergar diversas oportunidades para qualquer empresa.

Você sabia que é possível diversificar a sua maneira de atrair, conquistar e fidelizar novos clientes?  Para te ajudar nisso, hoje falaremos como ser mais criativo no seu negócio!  

Então se você quer descobrir mais sobre, e entender como fazer isso:

O que é preciso para ser criativo?

Ao contrário do que muitos pensam, a criatividade pode ser desenvolvida através de alguns estímulos, que ao longo do tempo vão se aprimorando. A grande chave para isso é estar totalmente focado e determinado na realização de ações que trabalhem nesse sentido.

É claro que algumas pessoas acabam tendo esse instinto muito mais forte do que outras, mas a capacidade de desenvolver e se aprimorar, é um item que todos nós temos! 

Separamos alguns tópicos básicos para você entender como pode estimular a criatividade:

  • Esteja aberto a entender mais, sobre diferentes visões, abra a sua mente;
  • Busque sempre estar cercado de pessoas que te inspiram, seja nas redes sociais livros ou amigos;
  • Mantenha o olhar curioso e questionador;
  • Tente pensar fora da caixa;
  • Esteja sempre em busca de novos conhecimentos.

Vamos agora conferir quais são as quatro etapas que fazem parte do processo criativo? Veja a seguir!

Quais as 4 etapas do processo criativo?

O processo criativo foi uma ideia desenvolvida por Graham Wallace,um importante psicólogo em inglês que desenvolveu uma teoria denominada “a arte do pensamento” em 1926.

A ideia central era basicamente implementar um processo criativo através de quatro estágios,  que permitisse criar ideias sólidas, embasados e que fossem capazes de resolver problemas! O modelo leva o nome de 4 Stage Model (modelo de palco)

  1. Preparação

Essa fase, permite o entendimento de toda a ideia central, e dos objetivos que pretendem ser adquiridos para o projeto,  portanto é nessa etapa no qual são levantados quais são as melhores ações, quem é o público alvo,  como deve ser feito, e entre outros.

É neste momento em que todo o time ou criativo fazem assimilação da ideia toda estrutura do projeto.

  1. Incubação

Agora que já sabemos o foco e os objetivos,  enfrentamos a etapa de incubação que é  oposta ao período anterior,  agora as informações trabalham de maneira mais independente no cérebro.

Com isso conseguimos fazer algumas associações mais concretas, para que a ideia saia do papel, e se inicie os primeiros rabiscos.

  1. Iluminação

O período de iluminação se trata da etapa no qual algumas ideias começam a surgir nas nossas cabeças, a partir de tudo aquilo que a gente já construiu sobre os objetivos.

Os pensamentos começam a criar formas através de inspirações com base em ideias aplicáveis e reais.

  1. Implementação/verificação

Nem sempre as ideias conseguem alcançar um nível de implementação ou de satisfação total para os requisitos, afinal, é necessário um período de verificação para analisar se a ideia pode ser colocada em prática, justamente, envolvendo todos os quesitos para desafio em questão.

Uma boa ideia não garante por si só um bom desenvolvimento de uma ação. Portanto, esta última etapa é o período em que são analisados se a ideia escolhida pode gerar um resultado efetivo.


 

Bom, agora já sabemos quais são os pilares, então continue a leitura para conferir quais são os 5 elementos da criatividade. 

Quais são os 5 elementos da criatividade?

Um levantamento realizado por Jeff Dyer, Clayton M. Christensen e Hal Gregersen, autores do livro “The Innovator ‘s DNA” (O DNA do Inovador), apontam que de 25 a 40% da criatividade de fato está relacionada com algumas questões genéticas,  e deste modo todo o restante caracteriza uma porcentagem relacionada ao desenvolvimento dela.

Além disso, analisando o comportamento de fundadores e CEOs, puderam analisar quê existem cinco habilidades que são fundamentais quando o assunto são os elementos da criatividade,e são elas:

  • Capacidade de associação;
  • Questionamento;
  • Networking;
  • Observação;
  • Experimentação.

Agora já sabemos várias informações sobre a criatividade e como podemos desenvolvê-la,  mas você sabe de fato qual é o papel dela nos nossos negócios?  Veja a seguir.

O que que a criatividade é essencial para os negócios?

A Adobe realizou uma pesquisa entrevistando 5.000 pessoas, e constatou que alguns perfis se consideravam mais felizes, confiantes e tinham uma capacidade maior de inovação, perfis esses que se consideravam criativos.

Além disso, 46% dos que se consideravam criativos, acreditavam que a criatividade os ajudava a fazer a diferença!

Os entrevistados apontaram que a produtividade dos colaboradores também está associada à produtividade que é obtida no negócio,que consequentemente impacta a experiência de consumo, inovação e no sucesso financeiro. 

Estimular a criatividade é importante também para que grandes ideias surjam, e novas oportunidades sejam criadas.  A criatividade também serve como inspiração para os colaboradores que tendem a seguir o mesmo caminho! 

Ambientes criativos estimulam a comunicação e resolução de conflitos aumentam a competitividade e o desenvolvimento de todos os processos impactam diretamente nos resultados.

Está curioso para saber como ser mais criativo em seu negócio? Separamos algumas dicas para você!

Dicas de como ser mais criativo 

A criatividade também está ligada com as experiências que você vive e toda a bagagem que adquiriu ao longo do seu percurso!  Entender como canalizar tudo isso e transformar em novas ideias, pode ser muito benéfico ao seu negócio.

Abaixo listamos algumas dicas!

Abra os seus ouvidos

Estamos rodeados de pessoas totalmente diferentes de nós, muitas vezes aquela ideia que esperamos, pode estar guardada com algum colaborador que você nem tenha notado no dia a dia.

Busque deixar os colaboradores confortáveis, para poderem expressar algo quando sentirem necessidade, afinal eles acompanham e fazem parte de todo o processo da sua empresa, e muitas vezes acabam desenvolvendo olhares diferentes sobre aquilo que enxergamos. 

Abra os seus olhos, e mente

Esteja aberto a viver coisas novas, conhecer novas pessoas e histórias,e entenda como foram a trajetória de outras pessoas de sucesso.

Estar disposto e aberto a viver, ouvir e visualizar tudo isso, pode te trazer um novo olhar sobre coisas do cotidiano e te inspirar no processo criativo.

Alimente a sua mente

Nós nunca sabemos tudo sobre algo! Muitas vezes o processo criativo acaba ficando bloqueado exatamente, pela falta de desenvolvimento e desejo de buscar novos aprendizados.

Buscar enxergar coisas além do óbvio, é um comportamento recorrente no perfil de uma pessoa criativa. Se você tem dificuldade em praticar isso procure por alguns exercícios que auxiliam esse desenvolvimento.

Tudo isso com certeza pode aumentar a chance de trazer cada vez mais, novas soluções criativas.

Para dar um gás ainda maior utilize algumas ferramentas que auxiliam no desenvolvimento de ideias, oferecendo um suporte a todo processo criativo  como:

  • Mapas mentais;
  • Brainstorming
  • Positivo, negativo e interessante (PNI)  ferramenta que classifica as ideias.

Lembre-se de que conseguir criar um ambiente criativo dentro dos seus pensamentos não é uma tarefa tão simples, não se esqueça de buscar feedback,  desenvolvimento, estudos, e o mais importante praticar!

Agora é com você 🙂 Continue ligado no nosso blog postamos vários conteúdos para ajudar na sua trajetória empreendedora. 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Teste Grátis Hoje!

Clicando em ”Iniciar o teste” você concorda com nossos termos de uso