Gestão de pessoas: entenda a importância da entrevista de desligamento

A importância da entrevista de desligamento

Fernando

Uma empresa que anseia pelo seu crescimento trabalha em sua estrutura para reter seus talentos na casa. No entanto, diariamente vemos inúmeros processos de causas trabalhistas movidas por ex-funcionários que saíram de forma conturbada das suas antigas empresas.

Para evitar o turnover, o setor de recursos humanos tem investido na entrevista de desligamento, uma forma de análise comportamental para averiguar os processos internos e identificar falhas estruturais.

Mas será que esse método funciona? Os gestores estão aptos a lidar com críticas em um momento tão delicado nas relações de trabalho? Acompanhe em nosso artigo.

Indicadores a serem avaliados

Já discutimos em outro artigo que o turnover é um importante indicador de gestão interna. Por que? É simples: uma empresa com alta rotatividade de funcionários é uma empresa que gera dúvidas sobre sua capacidade e credibilidade. Um alto turnover é resultado da falta da motivação e comprometimento não apenas dos colaboradores mas, também, da própria empresa.

Vale salientar que a excelência de uma organização estende-se para a qualidade de vida e condições de trabalho da sua equipe.

Conheça o sistema de gestão empresaria VHSYS!

Benefícios da entrevista de desligamento

Assim como há uma entrevista de seleção e entrada em uma empresa, também há a necessidade de uma entrevista de desligamento para avaliar como deu-se as relações entre empresa e trabalhador no período em que ele permaneceu na empresa.

Alguns dos benefícios desse método de gestão de pessoas incide sobre:

Gestão: a entrevista de desligamento permite identificar os pontos fortes e fracos da gestão, auxiliando, também, na criação de programas e estratégias para melhorar a gestão e mudar a perspectiva do colaborador.

Líderes: identificado o problema na gestão, fica mais fácil compreender a visão que o colaborador tem dos seus gestores e sua liderança na equipe.

Clima: crucial na entrevista, o clima interno é outro fator importante na avaliação do ex-colaborador. A partir da conversa, é possível pontuar o que funciona e o que não funciona em sua organização, além de avaliar se há um padrão comportamental em sua equipe.

Imagem: aqui é hora de saber, no final das contas, qual a imagem que o colaborador faz da empresa, consequência do motivo do seu desligamento. Seja por plano de carreira ou cultura organizacional tóxica, a imagem da empresa vai além do discutido em equipe e pode, inclusive, sujar a imagem da organização porta afora.

Oportunidade de mudanças profundas

Ninguém está preparado para receber críticas e isso inclui os gestores. No entanto, a entrevista de desligamento é necessária para pontuar problemas estruturais em sua organização, coisas que um funcionário não dirá por se sentir inibido com a situação.

No entanto, um colaborador cujo vínculo empregatício foi desfeito, não terá problemas em compartilhar suas impressões e experiências com a empresa. Portanto, aproveite para captar o que seu ex-colaborador tem a dizer, procure aceitar as críticas da forma mais profissional possível e implemente melhorias em sua organização.

Se você quer otimizar a gestão da sua empresa, que tal conhecer o VHSYS?
O VHSYS é um sistema completo de gestão empresarial, especialmente desenvolvido para micro e pequenas empresas, além de ser uma opção de ótimo custo-benefício para microempreendedores individuais. Não perca tempo e experimente grátis!

Receba conteúdos exclusivos em seu email e fique por dentro das últimas novidades no ambiente empresarial!

Fernando
Sobre o autor
Fernando
Formado em Marketing e Coordenador de Marketing de Conteúdo na VHSYS.

deixe seu comentário

adicionar comentário
Cancelar

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário neste post. Seja o primeiro!

Visualizar mais