Como e por que elaborar um relatório de vendas

Mais do que uma mera formalidade burocrática, os relatórios são fundamentais para monitorar os processos de uma empresa. O relatório de vendas permite que se analise com mais precisão a realidade do negócio, facilitando projeções e decisões na gestão empresarial, para além do setor comercial. Neste artigo vamos falar sobre como organizar o relatório comercial […]

Como e por que elaborar um relatório de vendas

Mais do que uma mera formalidade burocrática, os relatórios são fundamentais para monitorar os processos de uma empresa. O relatório de vendas permite que se analise com mais precisão a realidade do negócio, facilitando projeções e decisões na gestão empresarial, para além do setor comercial. Neste artigo vamos falar sobre como organizar o relatório comercial da sua empresa, usando as informações para definir estratégias de negócio.

Aumente a produtividade da sua empresa com o sistema de gestão do VHSYS

O que é um relatório comercial?

Trata-se de um documento que visa criar um panorama das vendas, baseado em dados concretos. Ele ajuda a definir:

  • Soluções possíveis para problemas ou situações pontuais;
  • Oportunidades e potenciais negócios a serem explorados;
  • Recomendações para estratégias;
  • Revisão (ou substituição) de práticas;

Em outras palavras, o relatório comercial serve como um termômetro para medir que ações têm tido resultado e quais devem ser repensado. Ele fornece indicativos de como as vendas têm acontecido.

Como elaborar um relatório comercial?

O relatório comercial, ou relatório de vendas, pode ser feito de várias maneiras. A seguir, trazemos um modelo bastante prático.

Planilha controle de vendasIdentifique seu relatório: para isso crie um escopo, com um resumo indicando onde será e o que será descrito em seu relatório. Lembre-se de mantê-lo alinhado aos objetivos da empresa.

Público-alvo: quem lerá seu relatório? Outros gestores? Os vendedores? Tenham em mente seu leitor potencial e escreva para ele. Empregue uma linguagem objetiva, clara e formal.

Estruture: antes de partir para a escrita propriamente dita é preciso garantir que todas as informações de que você precisará estejam à sua mão. Por isso, reúna dados de vendas, dados de clientes, de fornecedores e afins. Assim, ficará mais fácil colocar e sistematizar as informações no relatório.

Pesquise: há algum tema que você não domina muito? Pesquise. Isso porque se sua sugestão estiver acompanhada de um embasamento teórico as chances de ela ser considerada e aplicada são maiores.

Formato: de modo geral os relatórios são compostos de partes bem específicas, como introdução, sumário, desenvolvimento – que pode ser por tópicos a serem abordados -, considerações e, por fim, referências. Para tornar as informações mais acessíveis é possível utilizar gráficos e figuras.

Revise: depois de escrever seu relatório revise-o quantas vezes puder. E, se possível, peça para um colega fazer o mesmo. Desse modo, você garante que a mensagem está compreensível.

Dúvidas ou sugestões? Deixe nos comentários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assuntos relacionados

Cadastro Newsletter

Fique por dentro dos principais assuntos do mundo do empreendedorismo. Atualize seus conhecimentos, baixando materiais como ebooks, planilhas, vídeos e muito mais.