O cenário tributário e os novos empresários

VHSYS

É comum encontrar entre os novos empreendedores que tem a coragem de mudar suas atuações no mercado de trabalho e de consumo, pessoas assustadas com a carga de responsabilidades que podem ter que absorver na nova jornada.

Questões relacionadas à gestão financeira, gestão de pessoas, gestão de marketing, gestão de produção, gestão de conhecimento, gestão contábil, gestão disso, daquilo e daquilo outro… Opa! Muita coisa pra gestão.

São muitos temas mesmo e cada atividade terá os seus, com maior ou menor impacto, dependendo da atividade. Mas o assunto não é tão assustador quanto parece, basta para isso que se tenha uma agenda com PLANEJAMENTOS (palavra chave) para quem quer ter a própria empresa, para que se possa acompanhar todos os assuntos, sem prejuízo de tempo ou dinheiro.

A gestão tributária de uma empresa é das mais delicadas. Interfere diretamente nos custos e consequentemente no preço final de venda. Por mais que falte afinidade quanto ao tema, é importante que os novos empresários, que dificilmente terão à sua disposição um Corpo de advogados tributaristas prontos para os livrarem de qualquer problema, interessarem-se por entender e saber usufruir das melhores vantagens, sem sonegação, sem falhas de documentação fiscal.

O conhecimento adquirido ajuda os novos empresários a construírem uma blindagem fiscal a fim de evitar-se prejuízos fiscais e manter-se a transparência dos documentos e escrituração fiscal.

Antes de ser um empresário, o novo empreendedor possivelmente trabalha sob regime CLT e toda responsabilidade de recolhimento de impostos é do empregador. Não há maiores preocupações, a não ser entender a carga a que está sujeito.

Quando abre a própria empresa, trás para si a responsabilidade de recolher os impostos pessoais, da empresa, dos funcionários e em alguns casos, dos prestadores de serviços que contratar. Ou seja, é necessário conhecer as regras de cada relação ou contratação antes mesmo delas acontecerem para que se possa conhecer os custos, os impactos nos processos burocráticos e as conseqüências das não observações da Legislação.

Se não entende o que o Governo diz, o melhor canal de esclarecimentos é com a Empresa de Contabilidade que trabalha como tradutora de Leis e regulamentações e pode orientar quanto aos procedimentos a serem adotados. Converse com os profissionais da área Contábil e entenda melhor seus direitos e deveres como empresário. Você ganha, sua empresa ganha, o País ganha. #i-souempresario

Link: http://www.administradores.com.br/artigos/negocios/o-cenario-tributario-e-os-novos-empresarios/80996/

Fonte: Administradores

Fique por dentro das ultimas novidades no ambiente empresarial

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

VHSYS
Sobre o autor
VHSYS
A VHSYS foi desenvolvido para que o empreendedor possa utilizar a tecnologia a serviço do seu negócio. Nosso objetivo é ajudar o micro e pequeno empresário a fazer a gestão eficiente de sua empresa, com maior produtividade e melhor aproveitamento dos recursos disponíveis.