Fiscalização reúne Grupos Especialistas Setoriais

VHSYS

Responsáveis pelo acompanhamento de 80% da arrecadação do Estado, coordenadores do GES fazem balanço do semestre
Os coordenadores dos Grupos Especialistas (GES) se reuniram na quinta-feira (4), na Escola Fazendária, para fazer um balanço dos resultados de suas ações no primeiro semestre e destacar as expectativas para os próximos meses. O diretor de Administração Tributária, Carlos Roberto Molim, elogiou o trabalho dos grupos e lembrou o desafio da “supermeta” de crescimento de 16% na arrecadação, acordada com o secretário Antonio Gavazzoni.
“O Governo espera muito de nós porque a meta de 7,8% fixada na previsão orçamentária não é suficiente para manter o caixa do Estado. Precisamos responder positivamente com o trabalho e o engajamento de cada um de vocês e de suas equipes”, disse Molim.

No primeiro semestre, os GES constataram R$ 808 milhões em infração, dos quais R$ 550 milhões foram objeto de lançamento fiscal. Molim também destacou os resultados da área de cobrança administrativa. De janeiro a junho, a SEF cobrou 498 milhões, 81% a mais do que no primeiro semestre de 2012 (R$ 275 milhões). Desse total, R$ 197, 4 milhões foram cobrados à vista (114% a mais que em 2012) e R$ 301 milhões foram parcelados (65% a mais que em 2012).
O gerente de fiscalização, Francisco Martins, destacou a importância das operações fiscais. “Executem operações porque elas não apenas ajudam a aumentar a arrecadação, mas dão visibilidade ao nosso trabalho, refletindo positivamente no comportamento do contribuinte”, avaliou. No primeiro semestre, a Fazenda realizou 14 operações, incluindo ações de presença fiscal e operações de cruzamentos de informações econômico-fiscais.

Fonte: Agência SEF

Fique por dentro das ultimas novidades no ambiente empresarial

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

VHSYS
Sobre o autor
VHSYS
A VHSYS foi desenvolvido para que o empreendedor possa utilizar a tecnologia a serviço do seu negócio. Nosso objetivo é ajudar o micro e pequeno empresário a fazer a gestão eficiente de sua empresa, com maior produtividade e melhor aproveitamento dos recursos disponíveis.