Como o Email Marketing pode ajudar sua empresa a ter a confiança do consumidor

Autor Convidado

A tecnologia e a internet trouxeram mudanças muito impactantes na forma como as pessoas se comportam e consomem produtos e serviços.

Junto a isso, veio o Marketing Digital, que abriu um leque enorme de possibilidades para que empresas de todos os portes pudessem atrair e reter potenciais clientes.

Definitivamente vivemos uma era na qual o consumidor está no centro da estratégia. Por isso é essencial conquistar a confiança dele.

Nesse processo, é natural que surja a seguinte dúvida: como fazer com que o cliente tenha segurança e confie na empresa?

Dentre as várias formas de comunicação que a web oferece, uma das mais personalizáveis é o Email Marketing.

No entanto, não adianta enviar qualquer mensagem. Para ter sucesso nesse canal, é necessário falar a mesma língua que os seus consumidores e, principalmente, falar sobre o que interessa a eles.

O objetivo, portanto, é trabalhar para que o seu negócio seja a primeira escolha do cliente.

Isso parece difícil? Pode ser, mas está longe de ser impossível.

Neste artigo nós ajudaremos você a interagir melhor com o consumidor por meio do Email Marketing!

1. Fale a mesma língua da audiência

Nos dias atuais, as pessoas são bombardeadas o tempo inteiro por informações vindas de todos os lados. É desanimador concluir que as chances de que o cliente leia justo a mensagem da sua companhia são mínimas, visto que a concorrência é pesadíssima, não é mesmo?

Diríamos que não necessariamente. Depende da maneira como você se comunica com seu consumidor. Em uma estratégia de Email Marketing, por exemplo, existem boas práticas que asseguram que você entregue a mensagem certa para a pessoa certa, no momento certo.

O conteúdo das suas mensagens precisa “conversar” com seu cliente de maneira efetiva. Não pode haver ruídos. É falar português para quem entende o idioma, árabe para quem compreende a língua e assim sucessivamente.

Quando você fala a mesma língua da sua audiência e quando esse conteúdo é valioso para ela, as chances de que a sua mensagem seja aberta são altíssimas.

Portanto, pratique a empatia quando for começar a sua estratégia de Email Marketing. Imagine as reações do seu público ao receber a mensagem que está prestes a enviar. Quais sentimentos você quer provocar nas pessoas?

2. Nutra o Lead com conteúdo adequado

Nutrição de Lead é uma técnica que consiste em enviar, automaticamente, uma sequência de emails com conteúdos relacionados com aqueles pelos quais usuário manifestou interesse alguns dias antes. Embora seja uma estratégia aplicada de forma tímida no Brasil, é possível conquistar excelentes resultados por meio dela.

A recomendação é que você crie uma sequência programada de emails, que proporcione uma interação próxima e regular com o potencial cliente conforme cada conversão que o usuário realizou. É preciso ter em mente que esses emails devem vir com conteúdos que contenham um valor real para o contato.

A nutrição de Leads assegura uma efetiva melhoria na comunicação com seu público. Além disso, ajuda na construção da imagem e da reputação do seu negócio. É uma estratégia que demanda tempo, paciência e cuidado, mas os resultados costumam ser bastante satisfatórios.

3. Mantenha a relevância

O objetivo do Email Marketing não é atrair novos consumidores, mas buscar aproximar a empresa do cliente. Quando sua companhia estabelece uma proximidade e educa o potencial consumidor com assuntos interessantes, é possível criar demanda e ainda conquistar confiança e credibilidade.

Para ter bons resultados em campanhas de Email Marketing, é imprescindível entender os interesses e o momento de compra de cada potencial consumidor. Dessa maneira, será possível utilizar as estratégias de segmentação, de forma a alcançar esse Lead.

Essa segmentação pode ser realizada, por exemplo, por cargo, por fonte de tráfego ou pelo tipo de conteúdo que a pessoa mais teve contato em seu blog ou site. O Email Marketing tem um caráter de personalização bastante evidente, mas nada terá tanto valor como uma mensagem relevante.

4. Tenha uma frequência definida

Mais uma dica importante na estratégia de Email Marketing é manter a frequência das campanhas. Isso aumentará a confiança que a pessoa tem na sua empresa. A tendência é que o contato valorize o seu compromisso de enviar as mensagens dentro daquele período pré-determinado.

Em termos gerais, a escolha do melhor horário para disparar um email está relacionada aos resultados de curto prazo. A frequência, por sua vez, determina os efeitos no longo prazo.

Nesse processo, é preciso tomar cuidado com o excesso ou com a escassez. O importante é saber que o equilíbrio e o bom senso devem sempre prevalecer. Afinal, é sempre bom lembrar que a relevância que o conteúdo tem para o seu cliente é fundamental para determinar o sucesso de suas campanhas.

Emails bem construídos e confiáveis têm muito menos rejeições e cancelamentos. Isso significa que a capacidade de entrega é bastante eficiente. Por outro lado, também é bom frisar que emails que não inspiram confiança contam com aberturas baixas, além de taxas de cliques e conversões pequenas.

Isso é um grande indicativo de que seu email pode vir a ser marcado como spam. O melhor marketing é aquele em que você conquista o engajamento e a confiança do seu público.

Comece, portanto, a mudar a forma como você interage com o consumidor nos canais online e durante toda jornada de compra do cliente. Aprender a envolver-se de maneira personalizada por meio do email marketing é essencial para a concretização do sucesso do seu negócio.  

Como você viu neste post, o Email Marketing continua mais vivo que nunca. Nesse sentido, gostaríamos de saber: quais estratégias você usa para cativar o cliente e fazer com que ele confie em seu negócio?

Você já usa Email Marketing e tem notado os resultados dessa ferramenta poderosa de interação e personalização? Deixe um comentário aqui e comente a respeito da sua experiência com o assunto!

Receba conteúdos exclusivos em seu email e fique por dentro das últimas novidades no ambiente empresarial!

Autor Convidado
Sobre o autor
Autor Convidado